Precisando de coragem pra escrever no LinkedIn? Leia essas 10 dicas


Não sou nenhuma Top Voice (ainda), mas acredito que posso te ajudar a tomar coragem para escrever aqui no LinkedIn, através da minha própria experiência.


Desde Março desse ano, estou me aventurando nesse mundo como autora do LinkedIn e me orgulho muito disso. Confesso que no início a vontade era de sair correndo pra não lidar com as críticas. Mas sobrevivi e não parei mais. Virou vício.


Foram 57 atitudes de coragem, quando venci meus 1001 medos e publiquei meus textos. Mas, até então, só com o coração, sem nenhuma estratégia definida. Falei sobre assuntos que eu estava vivendo, sobre autoconhecimento, aprendizados, sobre o próprio ato de escrever, mas sem um norte pra me guiar.

Mas hoje senti falta de um planejamento e me propus a criar o meu calendário editorial pra 2020. Primeiro, pensei em temas que seriam relevantes para a imagem que eu quero passar, com os serviços que eu ofereço e assuntos que se encaixem no que eu acredito. Depois, criei cada um dos títulos dos 52 artigos que vou publicar em 2020.

É uma sensação tão boa, dá mais segurança e facilita muito o trabalho. Tendo os títulos ou os temas de cada artigo, você consegue organizar melhor as suas ideias, pesquisar mais sobre os assuntos e enriquecer seus textos. É um guia que faz você seguir ainda mais comprometido com a escrita.


10 Dicas para escrever e publicar no LinkedIn:

  1. A primeira dica é, obviamente: tenha coragem! O seu texto nunca vai estar perfeito e pronto o suficiente.

  2. Escreva e publique com regularidade. Eu, por exemplo, comecei publicando duas vezes por semana, mas essa meta ficou meio insana, não consegui conciliar na minha rotina por muito tempo. Me propus, então, a escrever uma vez por semana e estou super bem com esta decisão.

  3. Esta é, talvez, a dica mais difícil de praticar: não espere likes e comentários, mas aproveite cada um deles para abastecer a sua motivação. No meu caso, cada comentário de incentivo que eu recebo me abre um sorriso do tamanho do mundo e até já chorei com alguns deles. Desculpa, mas não posso fingir que sou alheia a isso.

  4. Publique seus textos, mesmo que no início você se esconda das consequências. Eu sempre torço pra ver as pessoas tomando coragem e publicando seus textos. No meu caso, esta experiência foi muito além do que eu esperava. Hoje, encontro as pessoas e elas comentam sobre o meu trabalho e meus textos, coisa que nunca aconteceu antes. Muita gente sequer sabia o que eu fazia. Fora as oportunidades, as amizades e o aprendizado que adquiri através deles. Vale muito a pena!

  5. Escrever é um ato de coragem, mas também de estratégia. Quanto mais ela estiver presente nos seus textos e na sua rotina, mais rapidamente você chegará onde deseja. O calendário editorial é uma dica que pode facilitar muito o seu trabalho.

  6. Tire um tempo para pensar em como você quer ser reconhecido pelas pessoas. Isso vai te ajudar a elaborar os temas para os seus artigos. Além disso, pense nos assuntos que mexem com você, os quais você gosta e tem propriedade para falar. Tudo isso ajuda.

  7. Mas, se você ainda não conseguiu definir essas questões estratégicas, escreva e publique mesmo assim, com a cara, a coragem e o coração!

  8. Se proponha a aprender com os outros autores. Aprendi muito com os textos inspiradores de alguns autores do LinkedIn, muitos deles, inclusive, foram eleitos Top Voices, o que me deixou muito feliz e com aquela sensação de merecido, sabe? Que eu quero chegar lá, não posso negar, mas o caminho é tão rico que, por si só, me motiva cada vez mais.

  9. Pra ter sempre assunto para os seus artigos, anote toda e qualquer ideia, sem filtro. Esteja atualizado com o que está acontecendo, sobre o que estão falando. Leia o máximo que puder. Participe de eventos, faça cursos, conheça pessoas, interaja. Com o tempo, você estará mais atento, aberto e pronto para transformar uma pequena inspiração ou uma simples experiência em um texto perfeitamente publicável.

  10. No início, é normal seguir o estilo de escrita de outros autores, com os quais você se identifica. Mas busque sempre a sua identidade, a sua marca, aquilo que diferencia os seus textos dos outros. Não existe uma fórmula ou regra única pra que seus textos alcancem o máximo de pessoas possível, o que existe é o seu jeito de escrever. Foque nele!

Espero que em 2020 possamos ver muitas estreias por aqui. Coragem!



 (51) 99240.1288

cinthiadallavalle

Copyright© 2017