3 dicas para um pitch com verdade


Nunca fomos tão desafiados a escrever e a falar sobre nós mesmos como ultimamente, não é verdade? E precisa ser rápido, afinal, um pitch de sucesso não pode esperar!


Aí vem a missão quase impossível: como resumir formação, aprendizados, desafios, conquistas e habilidades em 1 minuto ou um pouco mais? Mudamos o tempo todo e já fizemos tantas coisas na vida que fica complicado definir tudo em poucas palavras ou em um texto só, concorda?

Ao mesmo tempo, esse desafio, apesar de meio cruel, é uma oportunidade de você definir algumas coisas importantes de ter na ponta da língua, como, por exemplo, seus diferenciais e seu porquê ou propósito.

É bom pensar nisso e saber de cor, inclusive para você mesmo. Acredito que essas informações nos empoderam, nos dão mais segurança e ajudam a fortalecer o nosso posicionamento.


3 Dicas para criar seu pitch de 1 minuto ou mais:


1.Não fale o que os outros querem ouvir, fale o que você quer comunicar

Você não é um soldado a serviço do mercado. A sua trajetória é única e rica e deve ser comunicada no seu pitch, não em detalhes, claro, mas dê pistas sobre ela e sobre o quanto você se orgulha do que fez até aqui.


2. Não sofra pelo que não coube no pitch

Se você está sofrendo por alguma informação que não coube no tempo do seu pitch, aumente o tempo e inclua ela sem culpa. Se você está sofrendo, é sinal de que é uma coisa importante pra você, por isso, não a deixe de fora.


3. Busque o efeito brilho no olho

No caso, o seu. Se o seu pitch não está fazendo seus olhos brilharem, refaça-o. Pode estar faltando mais de você e, se isso acontecer, seu pitch não terá utilidade alguma.


É sempre bom treinar e deixar o seu pitch atualizado, mas não decore nem siga os modelos dos outros. E não tenha medo de aumentar o tempo dele, o pitch é seu e, se ele não comunicar quem você é, ele nem precisa existir.


E você tem seu pitch na ponta da língua? Ele fala a sua verdade?

Compartilhe nos comentários, se quiser.

 (51) 99240.1288

cinthiadallavalle

Copyright© 2017