Por que será que justificamos tanto o sucesso alheio


Ao se deparar com alguém fazendo sucesso, você já deve ter escutado ou até mesmo falado coisas do tipo: Sempre foi rico. Teve sorte. Sem filhos, é fácil. É bonita. O pai indicou ou O pai ajudou. É só mais um produto fabricado pela mídia…


Como é fácil justificar o sucesso alheio, não é verdade?

Não só justificar, mas menosprezar todo o esforço que a pessoa fez e faz pra sustentar esse sucesso.


Será que é inveja?

Acredito que seja mais do que isso. É uma questão de cultura mesmo, em que é feio ser rico, é feio ter mais sucesso do que os outros, é feio se aparecer.


Mas vamos ainda mais longe nessa discussão. A verdade é que muita gente quer sucesso e dinheiro, mas poucos estão dispostos a lutar por isso.


E os poucos dispostos a lutar por isso são os que mais justificam o sucesso dos outros. Por quê? Porque daria muito trabalho seguir a mesma estrada.


Dentro desse contexto, sempre me questionei sobre a mania que temos de dizer que estamos sem dinheiro, mesmo quando estamos bem financeiramente.


Por que será que é um pecado ter dinheiro (ou querer ter) no Brasil?

Sei que vivemos uma grande desigualdade social no país e que é mais fácil ter sucesso para quem teve educação e uma boa base familiar. Mas o fato de eu concordar com isso não justifica parar com essa discussão.


Acredito que está na hora de assumirmos o nosso lado ambicioso, para quem tem, é claro. Afinal de contas, não é vergonha nenhuma trabalhar e realizar os nossos sonhos, aprender sempre mais e conquistar os objetivos, um a um.


Sucesso e dinheiro são consequências e não devem ser o foco, mas podem ser assumidos numa boa.

Você não acha?

 (51) 99240.1288

cinthiadallavalle

Copyright© 2017